->RAPIDINHAS: TURNÊ SUL

Terminou no último dia 11 nossa extensa turnê por 8 cidades da região Sul do Brasil, num total de 12 apresentações. Com essa nova temporada de viagens, conseguimos completar nos últimos dois anos e meio um projeto de circulação que contemplou as cinco regîões do país, passando não só pelas capitais, mas também por cidades do interior, completamente deslocadas do eixo de circulação cultural.

Em três semanas de muitas viagens, montagens e desmontagens e apresentações, percorremos as cidades de Porto Alegre, Caxias de Sul, Florianópolis, Joinvile, Itajaí, Curitiba, Ponta Grossa e Araucária.Os espetáculos apresentados foram “Um Homem é um Homem”, que cumpriu  várias  apresntações ao ar livre, e “Pequenos Milagres”, que foi apresentado em teatros de Porto Alegre ( o maravilhoso Teatro São Pedro), Caxias e Curitiba ( O charmoso Guairinha).

Passada a temporada, algumas reflexões merecem ser feitas. A primeira é que articular apoios locais na esfera do poder público é importante, mas não basta. A cidade onde comparativamente tivemos mais público foi Caxias do Sul, no Rio Grande, que contou com uma eficiente estrutura de organização e de divulgação feita pelo grupo “Hora Vaga” da cidade de Garibaldi e pelo espaço cultural “Sala de ensaio” de Caxias. São os artistas e  os grupos locais,  quando se engajam na organização dos eventos, os mais eficientes organizadores.Não só porque conhecem do assunto, mas porque tem um interesse legítimo ( sem segundas intenções) naquilo em que estão empenhados.

É importante para futuras temporadas, especialmente em cidades com pouca tradição em receber grupos de teatro e onde se faz necessário um trabalho de base, de formação de público, que o Galpão busque formar alianças com grupos de teatro, que nos recebam e organizem as apresentações, tendo em troca oficinas e encontros.. Se a frequência de público esteve longe de ser fraca, atingindo uma média de 200 espectadores nas cidades de menor tradição cultural, como Joinvile, Itajaí, Ponta Grossa e Araucária, não há dúvida que ela poderia ter sido maior. E está aí, precisamente, nosso maior desafio para as próximas viagens.

Fora isso, foi maravilhoso reencontrar o público e a classe artística em cidades que são longas freguesas dos espetáculos do Galpão como Porto Alegre e Curitiba. Foi a nona vez que estivemos apresentando espetáculos na capital do Paraná e a oitava que comparecemos à capital gaúcha. Digna de nota também foi a ótima apresentação que fizemos de ” Um Homem é um Homem”, na escola  de Música e de Teatro,no campus da Universidade Federal de Santa Catarina. O espetáculo teve um  público muito expressivo e contou com uma maciça presença da classe artística e cultural de Florianópolis. Uma acertada parceria com a Universidade, muito bem articulada pelo diretor da Escola de Teatro, nosso amigo e velho companheiro de estrada, Andre Carreira.

O galpão termina o ano com um balanço muito positivo de 108 apresentações, a estréia de um novo espetáculo e muitos projetos promissores para 2008.

4 Respostas para “RAPIDINHAS: TURNÊ SUL”

  1. Muito me orgulha saber que o público de nossa cidade compareceu tão grandiosamente aos espetáculos do Galpão, porém o que me orgulha mais fora ter acompanhado esta maravilhosa trupe na grande maioria de seus passos aqui em Caxias. Portadores de grande experiência, talento e principalmente humildade, todos vocês deixaram saudades. Agradeço profundamente pela experiência que nos repassaram, e espero, sinceramente, recebê-los aqui mais vezes!
    Grande abraço e um beijo dentro do coração de cada um de vocês. Feliz natal eum 2009 repleto de realizações!

  2. Vocês serão, sem dúvida alguma, sempre muito benvindos aqui em Caxias!
    Felicidades a todos e já estamos esperando vocês de volta!

  3. Como é bom poder vê-los no palco e por essas praias digitais também. Parabéns pela turnê! Pequenos Milagres é um belíssimo espetáculo. Singelo e tocante! Os 25 anos são um marco para vocês e para o público. Que venham os próximos! Abs, Cris

  4. Oi, Galpão!
    Com tanto sucesso tenho certeza de que todos estão ótimos e com a cuca legal.
    Parabenizo-os pela temporada Galpão 2007.
    Fico feliz pelo sucesso alcançado em todas as regiões do Brasil.
    Já conto o tempo para poder encontrá-los não só em cena também como fora dela, poder abraça-los e sentir o carinho de vocês.
    Beijos Thereza

Deixe um comentário