Close
Exit


Os anos heroicos (1982 – 1988)

Período de muito trabalho e pouco dinheiro, condição que ameaçava constantemente a estabilidade do grupo e a perseverança em manter-se fazendo teatro e vivendo exclusivamente dele.

Com a criação de “Ó pro cê vê na ponta do pé” e “A comédia da esposa muda”, o grupo ganhava Minas Gerais e começava a excursionar pelo Brasil, participando de festivais e atravessando fronteiras. A partir daí, o contato com outras companhias (nacionais e internacionais) despertou o desejo de digerir a própria realidade e se tornar seu representante.

Em 1987, estreou “Foi por Amor”, que inaugurava ‘a série brasileira’, fase em que o Galpão se dedicou a realizar workshops e a estudar textos acerca da realidade brasileira. Nesse mesmo ano, o grupo intensificou as aulas de iniciação musical, acrobacia, improvisações, corpo e teatralização de objetos e adquiriu a “Esmeralda”, a velha Veraneio, que se tornaria nacionalmente conhecida, cinco anos mais tarde, com a montagem “Romeu e Julieta”.

Go top